sábado, 2 de maio de 2015

Olhei para trás
e mergulhei
nos pensamentos metamórficos
que deixei morrer
na ausência
de palavras.

Alma Salgueiro




Sem comentários:

Enviar um comentário